botao de busca



VOLTAR


<<< Anterior      Próxima >>>


Escolha o tamanho da fonte - A - A
16/11/2015

Festival Ópera na Tela começa no Rio na sexta-feira, dia 20

O festival exibe óperas inéditas ao ar livre no Parque Lage até o dia 29. Itinerante, o festival chega às salas de cinema em outras 18 cidades brasileiras em dezembro


Festival Ópera na Tela começa no Rio na sexta-feira, dia 20

Rigoletto


Ao ar livre, no Parque Lage, o Rio de Janeiro recebe o festival Ópera na Tela de 20 a 29 de novembro. Em uma tenda de cristal montada exclusivamente para o evento, o público carioca poderá assistir a nove óperas recentes das temporadas europeias e inéditas no Brasil. Depois, outras quatro obras se integram ao projeto e as 13 óperas serão exibidas nas telas dos cinemas de 19 cidades brasileiras, além do Rio de Janeiro. No Rio, já a partir do dia 25 de novembro. Nas outras, a partir de dezembro e até junho de 2016. Participam do festival, além do Rio, as cidades de Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Florianópolis, João Pessoa, Maceió, Maringá, Petrópolis, Porto Alegre, Salvador, Santos, São Luís, São Paulo, Vassouras. Todas as produções foram filmadas entre 2013 e 2015 e serão apresentadas digitalizadas com legendas em português. A programação nas cidades se estende até junho de 2016 e outras cidades poderão integrar o projeto nesse período, permitindo que mais pessoas tenham acesso ao festival.

O festival tem patrocínio da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, da Secretaria Municipal de Cultura, do Sofitel, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – ISS. O Parque Lage contará com uma estrutura especial para receber o público e proporcionar uma experiência inesquecível para viver a emoção da ópera. A tenda de cristal terá mobiliário especial com cadeiras confortáveis para até 400 pessoas, tela gigante e alta qualidade de som e imagem. Antes de cada sessão o maestro Ricardo conversa com o público. Os ingressos terão valores acessíveis (R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada). A classe artística também terá direito à meia-entrada, apresentando comprovação. Os cinemas aplicarão tarifas próximas a programação de filmes e os valores devem ser conferidos em cada bilheteria.

A programação

Na programação, obras apresentadas em verdadeiros templos operísticos do mundo, como a Ópera de Paris, Teatro Alla Scala de Milão, Teatro Real do Liceu de Madri, Teatro La Fenice de Veneza, Ópera Estatal de Berlim, Grande Teatro do Liceu de Barcelona e Ópera de Lyon, e festivais líricos como de Salzburg, Aix en Provence e Baden-Baden. Entre os títulos, grandes clássicos populares como “Carmen'', “Tosca”, “Don Giovanni”, ''O barbeiro de Sevilha'', ''Aida'', ''Norma'', ''A flauta mágica'' e ''Rigoletto''. Nos cinemas será exibida ainda a produção brasileira “Os pescadores de pérolas”, de Bizet, dirigida pelo cineasta Fernando Meirelles no Theatro da Paz de Belém.

Entre os protagonistas dessas produções luxuosas estão os maiores cantores de ópera da atualidade e os mais renomados maestros e orquestras do mundo, como Daniel Barenboim, Simon Rattle, Zubin Mehta ou Philippe Jordan. Algumas montagens seguem um ritmo mais clássico, já outras fazem releituras contemporâneas, o que garante diversidade à seleção dos títulos.

Reforçando seu pilar de arte e cultura, Sofitel, rede de hotéis de luxo da AccorHotels, é a patrocinadora master do festival. “A paixão pela arte é parte do DNA da marca Sofitel, que apoiando um projeto grandioso como o Ópera na Tela, promove um intercâmbio cultural e de conhecimento”, comenta Patrick Mendes, CEO da AccorHotels América do Sul.

Além da programação a céu aberto e nos cinemas, o festival promove ainda atividades paralelas como uma masterclass com Raphaël Sikorski, renomado técnico vocal responsável pelo treinamento de grandes nomes da ópera, como Natalie Dessay ou Rolando Villazon. O festival terá também encontros culturais e ação educativa, com material didático especialmente desenvolvido - no Rio, através de parceria com a Multirio - e em 130 unidades da Rede Sesc Nacional, parceiro de democratização do projeto.

A produção é da Bonfilm, responsável pelo Festival Varilux de Cinema Francês, que, em 2015, chegou a 50 cidades e levou 110 mil pessoas aos cinemas.“A exemplo do que foi lançado recentemente nos cinemas da França, com a programação ‘Viva l'opéra’, a intenção é oferecer um conteúdo alternativo original para os cinemas com um preço acessível. Outro ponto forte é o primor da seleção de títulos com filmagens impecáveis, realizadas por cineastas, com recursos de captação de imagem e finalização e som espetacular. Queremos demonstrar que todos podem se emocionar com a ópera e que a música pode transformar a vida das pessoas”, afirma o diretor e curador do evento, Christian Boudier.

Programação completa em http://www.operanatela.com

Serviço:
Festival Ópera na Tela – Parque Lage
Data: de 20 a 29 de novembro (27 de novembro não haverá sessão para o público)
Horário: 20h
Local: Parque Lage - R. Jardim Botânico, 414 - Jardim Botânico
Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia), vendidos antecipadamente pelos sites http://www.operanatela.com e https://www.bilheteriadigital.com/.Classe artística também tem direito à meia-entrada mediante comprovação.
Capacidade: 400 lugares
Classificação indicativa: Livre ou 14 anos, dependendo da obra.
Outras informações: (21) 2557-6717


Fonte: Agência Febre




COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS
  • Digg
  • del.icio.us
  • DZone
  • blogmarks
  • StumbleUpon
  • Facebook
  • Tumblr
  • TwitThis
  • Print
  • email
  • Live
  • Yahoo! Bookmarks

Comente esta notícia


Ver mais notícias rss




© 2009-2018 Guias Web - Todos os Direitos Reservados - Normas de Uso - Política de Privacidade